Home > Blog de Apoio e Recuperação > O que é um NAS para backup? Soluções de backup NAS

O que é um NAS para backup? Soluções de backup NAS

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
(12 avaliações, média: 4,91 de 5)
Loading...
Atualizado 6th janeiro 2023, Rob Morrison

No mundo digital, os backups regulares são uma necessidade absoluta e inevitável. Não há nada pior do que a súbita perda de seus documentos, fotos ou vídeos. Os NAS para backup permitem que você faça backup de dados usando o chamado método 3-2-1. Esse método consiste em três cópias diferentes de dados: duas mídias internas e uma cópia de segurança externa. Para o melhor backup possível de seus dados, esse método pode ser facilmente combinado com um software de backup.

O que exatamente significa Network Attached Storage (NAS), quais são as vantagens desse tipo de backup de dados e como fazer backup de seus dados com o Bacula Enterprise, são coisas que vamos explicar para você logo a seguir.

O que é NAS para backup e o que significa backup de dados do NAS?

O NAS (Network Attached Storage) é um sistema de armazenamento conectado à rede. Nesse caso, o backup requer um dispositivo NAS, que é essencialmente um pequeno computador, porque tem um gabinete, um processador, um sistema operacional, e pelo menos um disco rígido. O dispositivo fica ligado a seu roteador com um cabo de rede, tornando-o parte de sua rede. Por meio de protocolos de transferência, os dados são armazenados na rede.

O backup de dados do NAS não precisa de um PC ou servidor específico, pois pode funcionar automaticamente devido à conexão direta com a rede.

Graças ao backup de dados do NAS, os backups podem ser feitos simultaneamente a partir de vários dispositivos. O backup de todos os dados é feito de forma centralizada na rede. O backup automático garante que todos os dados sejam sempre armazenados no backup e assim a probabilidade de perdas é significativamente reduzida.

Como funciona um backup NAS?

Antes de tudo, um backup NAS é usado para proteger os dados. É assim que ele funciona:

  • Todos os dados de diferentes PCs, smartphones e outros dispositivos podem ser copiados com um backup de dados do NAS, independentemente de onde eles estejam localizados.
  • O dispositivo NAS tem uma porta USB adicional para possíveis extensões ou, por exemplo, uma impressora, para que documentos e outras coisas possam também ser impressos a partir de todos os dispositivos dentro da rede.
  • O acesso na rede local pode ser controlado pelo administrador. Naturalmente, também é possível dar direitos a diferentes funcionários.
  • Os dispositivos NAS podem ser operados com uma configuração confiável do disco rígido, de modo que em caso de falha os dados sejam salvos em um disco rígido espelhado (por exemplo, espelhamento RAID-1) e não haja risco de perda de dados.
  • Os servidores NAS suportam os seguintes protocolos: SMB, AFP, CIFS, NFS.
  • Qualquer dispositivo dentro da rede local pode acessar o servidor do NAS.

Por que você precisa de um sistema NAS?

Os sistemas NAS podem ser usados para diferentes tipos de backup de dados. Por exemplo:

Armazenamento de dados

O armazenamento em rede é o sistema de backup ideal para pequenas empresas. Graças aos 4 slots do disco rígido, pode-se fazer backup de até 40 TB de dados diferentes de toda a rede com um NAS para backup. Além disso, pode-se automatizar totalmente o backup com um software de backup apropriado. Esse tipo de backup é extremamente fácil de administrar.

Sistema de backup para empresas

Existem sistemas NAS profissionais para organizações e empresas, com seu próprio servidor de e-mail. Uma conexão VPN permite que os funcionários tenham acesso seguro à rede interna do NAS, mesmo de casa. Isso é possível, por exemplo, com um acesso FTP seguro ou padrão WebDAV.

Os funcionários podem até mesmo sincronizar entradas de calendário e dados de endereço, de modo que informações importantes estejam sempre ao alcance de todos.

Os sistemas NAS também podem ser usados para vigilância. Para fazer isso, basta conectar as câmeras de vigilância aos servidores NAS e instalar o software apropriado. Para empresas que desejam implementar uma solução de backup NAS, é aconselhável usar um programa de backup, como o software de backup para Synology do Bacula.

Nuvem

O sistema NAS normalmente é conectado a um roteador e permite que todos os membros que estão na rede tenham sempre acesso a ele. Sendo assim, os sistemas NAS também são perfeitos como uma nuvem privada, já que o backup de dados pode ser feito através da internet. Esse tipo de backup é uma excelente alternativa a outras nuvens, tais como o Google Drive ou iCloud. Essa solução é útil para empresas e também para pessoas individuais.

Arquivo de mídia

Os dispositivos NAS não só são adequados para fazer o backup de documentos e arquivos, mas também para armazenar diferentes mídias. Nesse caso, filmes, imagens, etc., ficam sempre disponíveis para todos na rede e podem ser reproduzidos em diferentes dispositivos, como uma TV. Para isso, o servidor UPnP AV deve ser ativado em uma smart TV para que ela consiga reconhecer o dispositivo NAS. Alternativamente, a mídia pode ser reproduzida em dispositivos que estão diretamente conectados ao sistema NAS através da rede.

Além disso, os dispositivos NAS podem converter certos conteúdos em outros formatos para que eles possam ser reproduzidos em um dispositivo receptor. Por exemplo, os arquivos MKV podem ser convertidos para MP4 se um dispositivo terminal só puder reproduzir esse formato. No caso, a conversão é feita automaticamente. Como todos os dispositivos na rede podem acessar o servidor, um sistema NAS é ótimo como um dispositivo de mídia para a família ou até mesmo para microempresas.

Interfaces do sistema NAS

Normalmente, um sistema NAS para backup é parte direta da rede via Ethernet ou TCP/IP. O design inteligente dos dispositivos torna possível o uso de múltiplas interfaces simultaneamente. No entanto, isso requer implementações adicionais do NAS para permitir múltiplos acessos a arquivos.

Se um sistema NAS é usado apenas para uso doméstico, pode-se simplesmente personalizar uma interface web. Ao contrário dos sistemas SAN (redes de áreas de armazenamento, ou storage area network), o acesso aos servidores NAS é executado via NFS, CIFS, HTTP, FTP ou protocolos SMB.

Vantagens e desvantagens do backup de dados do NAS

O backup de dados usando um sistema NAS tem muitas vantagens, mas também alguns desafios:

Vantagens

  • Rápido e fácil. Os sistemas NAS têm uma conexão rápida e são uma solução fácil de usar para o backup de dados.
  • Baixo consumo de energia. A maioria dos servidores consome pouca energia, apesar de operar quase 24 horas por dia. Os aparelhos NAS normalmente consomem de 10 a 20 watts.
  • Grandes volumes de dados. Graças a vários slots de disco rígido, um dispositivo NAS pode lidar com grandes volumes de dados.
  • Armazenamento centralizado. Vastas quantidades de dados do dispositivo podem ser armazenadas centralmente e disponibilizadas a todos os usuários da rede.
  • Segurança dos dados. Se o dispositivo estiver habilitado para RAID, a segurança é garantida.
  • Alta velocidade de transferência. Os dispositivos NAS de alta qualidade com Gigabit LAN têm uma alta velocidade de transmissão.

Desvantagens

  • Transferência de dados lenta. Os sistemas NAS geralmente transferem dados mais lentamente em comparação com o USB 3.0, a menos que você tenha um modelo NAS com Gigabit LAN.
  • Crypto Trojan. Sem o RAID 1 ou RAID 6, um sistema NAS pode ser vulnerável a esse tipo de vírus.
  • São necessárias soluções autônomas de software. Os sistemas NAS precisam de um software de backup para serem usados da melhor maneira possível, por exemplo, o software de backup de dados para Synology do Bacula Enterprise é recomendado aqui.

Proteção do NAS para Backup

Não existe um backup perfeito. Porém, a regra 3-2-1 de backup se aproxima disso. No caso, além do backup de dados do NAS, é aconselhável que haja pelo menos um outro backup. Se um sistema NAS for usado como local de armazenamento e não como backup, deve-se criar um outro backup para evitar a perda de dados.

Há várias opções aqui:

  • Backup com outro sistema NAS: os dados podem ser copiados fácil e rapidamente com um protocolo NAS aqui.
  • Backup externo, por exemplo, um disco rígido USB: funciona rápida e facilmente, mas não automaticamente. As aplicações ou configurações do sistema também não podem ser copiadas aqui.
  • Nuvem: a solução mais flexível, já que é necessário pouco espaço de armazenamento. Os custos de aquisição são baixos e quase nenhuma manutenção é necessária.
  • Backup para um servidor de arquivos: Isso requer mais espaço de armazenamento, em comparação com um sistema NAS. Os protocolos suportados são: WebDAV, HTTP, OpenStack, rsync e S3.

Soluções de backup NAS da Bacula

Adequado para backup de dados do Synology e outros fornecedores de NAS: Bacula Enterprise.

O produto open core Bacula Enterprise é projetado para atender às necessidades de backup de dados de organizações de TI responsáveis por infraestruturas baseadas em NAS (Synology e outros fornecedores) que não podem pagar um software de backup adicional de alta qualidade devido ao custo.

O software de backup do Bacula Enterprise consiste em quatro elementos: o Bacula Enterprise Edition, a recuperação bare metal para Linux, a NDMP tool e o acelerador para NetApp. Essa solução de backup pode ser instalada e personalizada em um ambiente normal do Bacula Enterprise em um curto espaço de tempo.

Vantagens

  • O software de backup Bacula Enterprise é um programa NAS autônomo tudo em um para Synology, NDMP, e também para as funções do NetApp.
  • Os dados individuais podem ser convenientemente restaurados.
  • Os dados são armazenados de maneira confiável, completa e incrementalmente no seu dispositivo NAS.
  • Backup rápido de imagem a nível de bloco do seu NetApp (SMTAPE).
  • Possibilidade de restaurar os dados do seu servidor NAS.
  • Backup de fitas e discos rígidos.
  • Economiza espaço com a deduplicação de um backup externo do Sinologia.
  • A compressão da linha de comunicação economiza largura de banda, facilitando o backup para a nuvem.
  • O backup é automático.
  • A criptografia entre os elementos do sistema de backup e o armazenamento de seu NAS proporciona melhor segurança.

Backup em Nuvem para Synology

Com o software de backup para Synology do Bacula Enterprise, você pode usar as seguintes nuvens:

  • Microsoft Azure
  • Amazon e S3
  • Google
  • Oracle

O backup NAS com o Bacula Enterprise está disponível exclusivamente para as plataformas Red Hat Enterprise Linux, mas também é compatível com vários outros fornecedores:

  • Hitachi BlueArc (Bacula Enterprise 6 e superior)
  • NetApp com Data ONTAP 7.3 e superior
  • EMC Celera (Bacula Enterprise 6 e superior)

Conclusão

Os backups USB clássicos protegem contra a perda de dados em caso de defeitos de hardware e exclusão acidental. Elas são a forma mais simples de fazer backup de seus dados.
Com os backups em nuvem e aplicativos NAS, você protege ainda mais seus dados contra roubo e outras eventualidades, uma vez que os dados são armazenados com terceiros. Um backup em nuvem é flexível e oferece uma variedade maior de ferramentas, porém copia mais dados do que o necessário. Ambas as opções são necessárias para criptografar seus dados.
O backup para um servidor privado e externo é ótimo, mas raramente é considerado pelos usuários domésticos, porque parece complicado e caro.
Para fazer o melhor backup possível de seus dados, é aconselhável buscar mais informações e, com base nelas, decidir qual é a melhor solução para você. Já para as empresas, o ideal é consultar um especialista nesse caso.
A princípio, um backup em nuvem criptografado é uma ótima opção, mas ele não precisa ser necessariamente a solução definitiva para você ou para sua empresa.

Sobre o autor
Rob Morrison
Rob Morrison é o diretor de marketing da Bacula Systems. Ele começou sua carreira de marketing de TI na Silicon Graphics, na Suíça, e desempenhou intensamente várias funções de administração de marketing por quase 10 anos. Nos 10 anos seguintes, Rob também ocupou vários cargos de administração de marketing na JBoss, Red Hat e Pentaho, assegurando o crescimento da participação no mercado dessas empresas reconhecidas. Ele é formado pela Universidade de Plymouth e tem um diploma de honras em mídia digital e comunicação, além de ter feito um programa de estudos no exterior.
Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *